Estímulo 2012 - Medida de Apoio Contratao do IEFP

Na sequência da publicação da Medida Estímulo 2012, que consiste na concessão, da entidade empregadora, de um apoio financeiro pela celebração de contrato de trabalho com desempregado inscrito no centro de emprego há pelo menos seis meses consecutivos, com a obrigaçao de proporcionar formação profissional (artigo 1.)

Pode candidatar -se ao Estímulo 2012, a pessoa singular ou coletiva de direito privado, com ou sem fins lucrativos (artigo 2.)

Para efeitos de obtenção do apoio, a entidade empregadora indica no portal NetEmprego do IEFP, I. P., emwww.netemprego.pt, a oferta de emprego, a intenção de beneficiar do apoio e a modalidade de formação profissional a proporcionar ao trabalhador (artigo 6.)

Apresenta-se, deste modo, um quadro explicativo e comparativo das medidas do IEFP, atualmente em vigor, no domínio do apoio  criação de emprego e  contratação de desempregados.

Consulte asMedidas de apoio ao Empregoaqui.