30 maio 2014

Composição do Júri

Escrito por
         
 silvapeneda   marianaferreira    eduardograca
         
 Dr. Silva Peneda    Dra. Mariana Ferreira   Dr. Eduardo Graça
Presidente do CES   Presidente do Conselho Diretivo do ISS   Presidente do CASES

 

A União das Mutualidades Portuguesas, constituída em 1984, é uma associação mutualista de grau superior, que congrega as associações mutualistas nacionais, com o objetivo de as promover e representar junto das entidades públicas, privadas e sociais, definindo as orientações estratégicas e as linhas gerais de direção do Movimento Mutualista, no âmbito das suas finalidades estatutárias, como também, se assume como parceira no Pacto de Cooperação para a Solidariedade Social, participando em representações nacionais e internacionais.

De acordo com o disposto no art.º 11º do Decreto-lei n.º 72/90, de 3 de Março, a União das Mutualidades Portuguesas, é uma mutualidade de grau superior, que nos termos do art.º 3º dos seus Estatutos tem por finalidade essencial:

a) Promover a defesa, desenvolvimento, cultura e práticas da solidariedade mutualista;

b) Assegurar a organização e representação do Movimento Mutualista.

Visão 

Posicionar o Mutualismo como uma força de referência do Setor Social e Solidário.

Missão

Reforçar e desenvolver o Movimento Mutualista, promovendo o Associativismo e conquistando espaços de intervenção social, em prol das Mutualidades e dos seus Associados.

Objetivos

Os objetivos primários da União das Mutualidades Portuguesas são a promoção da defesa, inovação, cultura e práticas do Movimento Mutualista, assegurar o desenvolvimento e representação das Mutualidades Portuguesas no território nacional e internacional, expandir a ação das Associadas a novas áreas, bem como unificar e divulgar a Rede Mutualista na sociedade. 

Assumimos uma postura ativa, democrática e credível na construção de uma sociedade mais solidária, incentivando o envolvimento dos cidadãos na sua proteção e promovendo uma maior qualidade de vida às famílias portuguesas, encontrando na proteção da segurança social, saúde e apoio social, soluções adequadas às necessidades dos cidadãos.

Órgãos Associativos da UMP Triénio 2018 a 2020

Órgãos Associativos da UMP Triénio 2015 a 2017

Órgãos Associativos da UMP Triénio 2012 a 2014

 

Vídeo Institucional UMP

 

 

02 junho 2014

Mutualismo

Escrito por

 

O Mutualismo é um sistema privado de proteção social que visa o auxílio mútuo dos seus membros. É uma forma de organização económica em que os associados são parte ativa na definição da sua auto proteção social, assente numa solidariedade responsável, pois ao juntarem-se a outros para “mutualizarem” os riscos que afetam a estabilidade dos seus rendimentos, repartindo os custos de forma equitativa e participando na organização de regimes complementares e previdência, beneficiam do efeito de dimensão e de solidariedade.

 

Valores que o definem

  • Solidariedade 
  • Igualdade
  • Proteção 
  • Cidadania
  • Inclusão Social
  • Inovação e Renovação
  • Transparência

 

O Movimento Mutualista

O Movimento Mutualista congrega em todo o País cerca de um milhão de associados e mais de dois milhões e meio de beneficiários, organizados num conjunto de  associações de âmbito local e nacional, que têm um papel histórico fundamental na proteção social, sobretudo nas áreas da segurança social e da saúde.

As Associações Mutualistas têm sabido complementar e colmatar as falhas e limitações dos sistemas públicos de proteção social e das respostas das entidades privadas com fins lucrativos, e encontram-se empenhadas no desenvolvimento de novas soluções adequadas às necessidades dos cidadãos e das famílias.

O Movimento Mutualista assume-se hoje por toda a Europa como o novo caminho da proteção social para este milénio e parceiro fundamental no processo de reforma dos sistemas de segurança social e de saúde.

O Mutualismo, por constituir uma alternativa de carácter social, que não depende do Estado nem tem fins lucrativos, é uma solução indispensável para garantir uma auto proteção social de segurança social, saúde e ação social eficaz, com custos mais baixos e cuja rentabilidade se distribui por todos os associados.

O Mutualismo é um movimento em que o funcionamento democrático assume uma importância fulcral, na medida em que as decisões são tomadas pelos próprios associados, em Assembleia Geral, permitido aos indivíduos participarem ativamente e decidirem os contornos da sua proteção social.

02 junho 2014

União

Escrito por

.

02 junho 2014

Publicações

Escrito por

Info

Mut