UMP garante compromisso das Mutualidades em “possibilitar o acesso de todos os cidadãos aos melhores cuidados de Saúde”

principal news51

 

O Presidente do Conselho de Administração da União das Mutualidades Portuguesas (UMP), Luís Alberto Silva, foi um dos intervenientes da Convenção Nacional da Saúde, o maior debate sobre o futuro da Saúde em Portugal, que reuniu, em Lisboa, as principais instituições do setor da Saúde do país, nos passados dias 7 e 8 de junho.

Luís Alberto Silva integrou o painel de comentadores da conferência “Público. Privado. Social: a complementaridade do Sistema de Saúde como um ganho para o utente”, onde garantiu que “as Associações Mutualistas que prosseguem fins de saúde, enquanto entidades que não visam o lucro, querem contribuir para possibilitar o acesso de todos os cidadãos aos melhores cuidados de Saúde e pugnar por um Sistema de Saúde adequado às necessidades dos portugueses”.

O Presidente da entidade que representa o Movimento Mutualista português realçou ainda a experiência das Associações Mutualistas na prestação de serviços de saúde de qualidade bem como a sua capacidade de “com humanismo, darem resposta às situações de urgência social”.

Recorde-se que a União das Mutualidades Portuguesas foi convidada e aceitou integrar, como membro efetivo, o Conselho Superior da Convenção Nacional da Saúde.